quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

oi? alguém aí?

Não, nada não.

Tô tristinha, só isso. :(

Ultimamente tenho me dado conta do quanto eu sou horrível.
Eu aqui, egoísticamente pensando nos meus problemas enquanto lá fora tanta coisa ruim acontece. Claro que as vezes eu queria que o mundo girasse ao meu redor (só uma vezinha, por quê não?) mas sabe quando dá aquele peso na consciência?
Alguém aí já levou um soco no estômago dado pela própria consciência? Cara, dói.

Será que um dia deixaremos de olhar para o próprio umbigo e passaremos a olhar um pouco mais para os lados, para o próximo? Será que um dia chegaremos a pelo menos 10% do que somos designados a ser?

Confesso que alivia ver o quanto são insignificantes os meus problemas, ver o quanto são desprezíveis. (Obrigada Senhor, por eles, por ser apenas eles)

Ah essa nossa vaidade, esse nosso egoísmo.
Livrai-nos disso Senhor, agora e para sempre.
Amém!

3 opiniões importantes:

Billycious Böy disse...

Dependendo de quais problemas seus você se refere, você tem que ''cuidar'' deles sim. Mas, apenas ter cuidado para não ser tão egocêntrica.

Poesias de uma vida disse...

Oi, tô aqui. Li o que você postou. Está triste? Como você disse, nossos probblemas são tão pequenos diante das tragédias que andam acontecendo. Boa tarde e quando estiver triste, navegue, leia para desparecer. Quando estou navegando viajo,dou asas a minha imaginação para minimizar os problemas bobos e pequenos que muitas vezes ficam ameaçando meu dia nesta cidade pacata em que vivo. Abraços. Rosângela

Borabora disse...

Todos nós somos assim Deane.
Faz parte do ser humano, todos temos, cada um, nossa dose de egoísmo e pura vaidade

Postar um comentário

A leitura especializada é útil, a diversificada dá prazer!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.