quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Parada rápida só pra escrever umas coisinhas...
Sabe quando em pouco tempo algumas pessoas dizem que você está diferente, serena e.. adulta?
Pois é, quem diria hein, euzinha aqui. Não que eu tenha deixado minhas palhaçadas de lado, não que eu tenha deixado de vez algumas infantilidades, criancices, não que eu tenha deixado de fazer biquinho quando não tenho o que quero.. hehe
Mas às vezes certas atitudes aparentemente simples nos dão um ar de maturidade tão grande né?
Não to falando só por isso, mas cara.. tem coisa melhor do que saber controlar as emoções? Saber viver cada dia a sua beleza e ou preocupação?

Poxa.. ttem gente que adora estocar coisas, sentimentos.
Estou aprendendo que o que vale é o suprimento a curto prazo.
Lembram quando Deus mandou alimento pro povo no deserto e deu a ordem de não guardarem nada pro dia seguinte, pegar cada um conforme a sua necessidade? O maná era tão doce que era saboreado com deleite, e o que aconteceu com o mana que foi guardado? Criou vermes e cheirou mal.
Pois é, nesse sentido que eu falo, o que é bom hoje amanhã pode não ser, e a dor de hoje amanhã não doerá tanto assim.

Basta a cada dia o seu mal - ou o seu bem. Amanhã é outro dia.
De que adianta querer viver tudo de uma vez, abraçar o mundo com os braços e as pernas..
Melhor viver cada segundo do que não ver o tempo passar, não acham?

Eu acho, e estou bem assim.
Constante mesmo só a mudança, e mudança por si própria já vem com obrigação de ser boa, senão não vale.

Enfim... passei mesmo só pra dizer isso, sei que é a maior filosofia de botequim, mas e daí.. é também a minha reflexão boba dessa noite ué;
deixa eu ir dormir, e aproveitar cada minuto do meu sono, amanhã é outro dia!


Gudi náite procês!

0 opiniões importantes:

Postar um comentário

A leitura especializada é útil, a diversificada dá prazer!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.