segunda-feira, 28 de setembro de 2009

No Café...



Primeira cena


No fim da noite, a moça morena olha para o dono do café e pergunta:

- Por que você guarda todas essas chaves dentro de um vaso?

- As pessoas as deixaram aqui e nunca vieram buscar.

- Me conte alguma história dessas chaves.

- Escolha uma.

A moça morena pega a chave com uma abelha de pelúcia como chaveiro e entrega para o dono do café.

- Essa aqui era de um jovem casal que imaginou passar a vida inteira juntos

- E o que aconteceu?

- Vida

- Como assim?

- A vida passou e mudou tudo. Só isso

.......................................................

A moça morena pergunta para o dono do café o que faz as pessoas deixarem as outras.

- Ás vezes é melhor não saber e outras vezes não há razão nenhuma. É como bolos e tortas. Todas as noites eu tenho aqui cheesecakes e a torta de blueberry. E no final da noite sempre sobra uma torta de blueberry inteira.

- O que tem de errado com ela?

- Nada. Ela simplesmente não foi escolhida...

.......................................................

A moça pára em frente ao café e procura o homem.

- Por que você veio aqui?

Ela não responde, mas pergunta:

- Você ainda guarda todas aquelas chaves?

- Eu guardei pensando no que você disse uma vez sobre “deixar as portas abertas”. O único problema é que mesmo quando as portas estão abertas não significa que vá encontrar a mesma pessoa de antes...


Os diálogos tão delicados são do filme "Um Beijo Roubado", com Jude Law e Norah Jones.

1 opiniões importantes:

Rodrigo Itz disse...

Gostei do primeiro diálogo,o segundo e o terceiro é meio complexo de rejeição!!1
Tá linkada lá.Bjão!1

Postar um comentário

A leitura especializada é útil, a diversificada dá prazer!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.