sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Da série, bobagens da vida real...

E eu tava lá né, na fila do banco, fila enorme. Tinha uma moça na minha frente falando ao celular.
Moça loira, bonita, vinte e poucos anos; toda patricinha: bolsa roso choque, salto altíssimo, celular pink. Perto dela, não tinha como não ouvir o que ela dizia.
Provavelmente ela estava falando com o namorado:

- Oi amor... to na fila do banco ... Dizer agora? Aqui? ... Ah não, vou dizer não ... Ah porque ta cheio de gente aqui ... Não, não tenho vergonha de você, tenho vergonha de dizer. ... Não insiste, eu não vou dizer... Por quê você quer que eu diga isso aqui na frente de todo mundo? ... Nem adianta... Ta, eu também... tchau!

Acho que além de mim, tinha muita gente curiosa pra saber o que que ela tava com vergonha de falar. Eu, pessoa com facilidade pra puxar papo com desconhecidos falei:
- Oi moça... olha eu não sei o que era, mas acho que você deveria ter dito. - (sim, eu sou cara de pau as vezes)

- Hahahahah. Mulher, eu tava falando alto?
- Tava, olha agente tem que falar as coisas sabe, vai que você sai do banco é atropelada e morre, daí você nunca mais vai poder dizer.

- Aahahaha, quando eu chegar em casa eu digo, não dava pra falar na frente de todo mundo, tem criança aqui...

- Sério mesmo, eu tava pra tomar o celular da tua mão e falar logo esse negocio.

- Hahahaha.. você é engraçada.

- Hehe... to brincando, desculpa.
Essa fila vai demorar...
- Ah tudo bem, nossa você é muito simpática, qual teu nome...


E assim fiz mais uma amizade. Super gente fina a guria, ficamos conversando, falando e sorrindo das pessoas feias no banco. E antes de chegar a vez dela no caixa, e ela ir embora eu perguntei:

- Mas e então... o que era mesmo que você tava com vergonha de dizer?

- Hein?

- No celular, você tava com vergonha de dizer...

- Ah... " ... "

E ela me fala.
Mas eu NÃO vou contar pra vocês, não sejam curiosos.
Excesso de curiosidade é uma coisa muito feia.

5 opiniões importantes:

Borabora disse...

Ahhhhhhhhh
mas que guria boba.Por que que ela nao disse logo????

É TÃO BOM DIZER. EU DIGO SEMPRE \O/

hehe!!!!!!!!!!!!

Plugado disse...

kkkkkkkkkk;;; eu também falaria logo.

visite meu blog quando puder.

http://www.fiqueplugado.com/

Antônio Marlos disse...

AHSUAHSUASHUAHSUAHSUAHSUAS
CONTA, CONTA, CONTA, CONTA, CONTA!!!
xD
Mas então, gostei da história...

Fábio Flora disse...

Legal você manter o segredo. Ponto para o seu texto. Abraços e sucesso com o blog!

PROFESSOR DÊNIS disse...

EU TINHA CERTEZA QUE VOCÊ NÃO IRIA NOS CONTAR...COMO SEMPRE BOMBANDO NOS SEUS TEXTOS...MINHA FILHA ANA ALICE ADORA LER COMIGO SEUS TEXTOS...ELA SIMPLESMENTE AMOU AQUELE DO ROUBO DO PIRULITO DO CHAVES NA FESTINHA DE ANIVERSARIO.

Postar um comentário

A leitura especializada é útil, a diversificada dá prazer!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.